egypt
AR
belarus
BE
bulgaria
BG
bangladesh
BN
bosnia
BS
spain
CA
czech_republic
CS
germany
DE
greece
EL
usa
EM
great_britain
EN
esperanto
EO
spain
ES
estonia
ET
iran
FA
finnland
FI
france
FR
israel
HE
croatia
HR
hungary
HU
indonesia
ID
italy
IT
japan
JA
georgia
KA
india
KN
south_korea
KO
lithuania
LT
latvia
LV
india
MR
netherlands
NL
norway
NN
india
PA
poland
PL
portugal
PT
brazil
PX
romania
RO
russia
RU
slovakia
SK
serbia
SR
sweden
SV
ukraine
UK
vietnam
VI
china
ZH

Os bebês leem os nossos lábios!

Quando os bebês estão aprendendo a falar, eles observam a boca dos seus pais. Isto foi o que a psicologia do desenvolvimento concluiu. Com apenas seis meses de idade, os bebês começam a ler os nossos lábios. Deste modo, aprendem a mexer com a boca para produzirem os sons. Com um ano de idade, os bebês já conseguem perceber algumas palavras. A partir desta idade, passam a olhar as pessoas novamente nos olhos. Assim, conseguem obter muita informação importante. Através do olhar, conseguem perceber se os pais estão alegres ou tristes. Por conseguinte, aprendem deste modo a conhecer o mundo das emoções. É realmente interessante quando se fala com eles em uma língua estrangeira. Aí eles voltam novamente a ler os nossos lábios. Deste modo, aprendem a produzir os sons de outras línguas. Quando se fala com os bebês deve-se, por isso, olhar diretamente para eles. Além disso, os bebês precisam de diálogos para favorecer o seu desenvolvimento linguístico. Os pais, sobretudo, repetem muitas vezes aquilo que o seu bebê diz. Deste modo, os bebês recebem um feedback. Isto é muito importante para as crianças pequenas. Elas sentem que são compreendidas. Este reconhecimento motiva-as. E continuam a divertir-se aprendendo a falar. Desta maneira, escutar apenas arquivos de áudio revela-se insuficiente. Há estudos que demonstram que os bebês conseguem realmente ler os nossos lábios. Em algumas experiências as crianças assistiam a vídeos sem som. Vídeos na língua materna dos bebês, assim como em outras línguas. Os bebês observaram os vídeos na sua língua materna durante mais tempo. Os bebês mostraram estar, claramente, mais atentos. As primeiras palavras dos bebês são as mesmas em qualquer parte do mundo. Mamã e papá - são palavras que em qualquer língua se podem facilmente pronunciar!

text before next text

© Copyright Goethe Verlag GmbH 2015. All rights reserved.