egypt
AR
belarus
BE
bulgaria
BG
bangladesh
BN
bosnia
BS
spain
CA
czech_republic
CS
germany
DE
greece
EL
usa
EM
great_britain
EN
esperanto
EO
spain
ES
estonia
ET
iran
FA
finnland
FI
france
FR
israel
HE
croatia
HR
hungary
HU
indonesia
ID
italy
IT
japan
JA
georgia
KA
india
KN
south_korea
KO
lithuania
LT
latvia
LV
india
MR
netherlands
NL
norway
NN
india
PA
poland
PL
portugal
PT
brazil
PX
romania
RO
russia
RU
slovakia
SK
serbia
SR
sweden
SV
ukraine
UK
vietnam
VI
china
ZH

Mudança de código linguístico

Há cada vez mais pessoas que têm uma educação bilingue. Elas conseguem falar mais do que uma língua. Muitas destas pessoas mudam frequentemente de código de linguístico. De acordo com uma dada situação, escolhem a língua adequada. No trabalho, por exemplo, falam uma língua diferente da língua que falam em casa. E, assim, adaptam-se a seu meio. Existe, contudo, também a possibilidade de mudar de língua de uma forma mais espontânea. Este fenómeno é chamado, em inglês, de code-switching. O code-switching pressupõe que se mude de código linguístico durante uma conversa. Existem muitos motivos pelos quais um determinado falante decide mudar de código linguístico. Muitas vezes, os falantes têm dificuldades em encontrar uma certa palavra numa dada língua. Conseguem expressar-se melhor noutra língua. Também pode ser o caso de se sentirem mais seguros a falarem uma determinada língua. Esta língua é reservada ao âmbito privado ou pessoal. Também acontece, por vezes, que uma determinada palavra não existe nessa língua. Neste caso, os falantes são forçados a mudar de língua. Ou, então, mudam de língua para que não sejam entendidos. O code-switching funciona um pouco como uma língua secreta. Antigamente a mistura de códigos linguísticos era alvo de muita crítica. Achava-se que os falantes não conseguiam falar bem nenhuma língua. Hoje em dia, vimos isso de maneira diferente. O code-switching é considerado uma competência linguística especial. Pode ser interessante observar os falantes durante a mudança de código linguístico. Porque, muitas vezes, os falantes não mudam apenas de língua. Há outros elementos comunicativos que mudam também. Muitos falam mais rápido, mais alto e de uma forma mais acentuada quando falam na outra língua. Ou, simplesmente, de uma forma espontânea utilizam mais gestos e mais expressões faciais. Code-switching é afinal também uma mudança de cultura...

text before next text

© Copyright Goethe Verlag GmbH 2015. All rights reserved.