belarus
BE
bulgaria
BG
bangladesh
BN
bosnia
BS
spain
CA
czech_republic
CS
germany
DE
greece
EL
usa
EM
great_britain
EN
esperanto
EO
spain
ES
estonia
ET
iran
FA
finnland
FI
france
FR
israel
HE
croatia
HR
hungary
HU
indonesia
ID
italy
IT
japan
JA
georgia
KA
india
KN
south_korea
KO
lithuania
LT
latvia
LV
india
MR
netherlands
NL
india
PA
poland
PL
portugal
PT
brazil
PX
romania
RO
russia
RU
slovakia
SK
serbia
SR
sweden
SV
ukraine
UK
vietnam
VI
china
ZH

Línguas eslavas

300 milhões de pessoas têm uma língua eslava como língua materna. As línguas eslavas pertencem à família das línguas indo-europeias. Existem cerca de 20 línguas eslavas. A mais importante, entre elas, é o russo. Mais de 150 milhões de pessoas possuem o russo como língua materna. Logo a seguir, estão o polaco e o ucraniano com 50 milhões de falantes, respetivamente. A linguística subdivide as línguas eslavas em vários ramos. Há línguas eslavas ocidentais, línguas eslavas orientais e línguas eslavas meridionais. As línguas eslavas ocidentais são o polaco, o checo e o eslovaco. O russo, o ucraniano e o bielorruso são as línguas eslavas orientais. As línguas eslavas meridionais são o sérvio, o croata e o búlgaro. Para além destas, há muitas outras línguas eslavas. São, no entanto, faladas por um número reduzido de pessoas. As línguas eslavas derivam de uma protolíngua comum. Neste processo, as línguas particulares desenvolveram-se relativamente tarde. São, por isso, mais recentes do que as línguas germânicas e românicas. Uma grande parte do vocabulário das línguas eslavas é muito parecido. Isto deve-se ao facto de que se separaram relativamente mais tarde. Do ponto de vista científico, as línguas eslavas são conservadoras. Isto significa que elas contêm muitas estruturas antigas. Existem outras línguas indo-europeias que perderam estas formas antigas. É por isso que as línguas eslavas possuem interesse para os investigadores. Através delas podemos retirar conclusões acerca de línguas antepassadas. Assim, os investigadores estão em condições de reconstruírem a família linguística indo-europeia. Um traço caraterístico das línguas eslavas é a escassez de vogais. Além disso, têm muitos sons que não se registam nas outras línguas. As pessoas, particularmente, da Europa Ocidental têm dificuldades com a pronúncia. Mas não se assuste- vai ficar tudo bem! Em polaco: Wszystko będzie dobrze!

text before next text

© Copyright Goethe Verlag GmbH 2014. All rights reserved.